Dicas de Saúde

Atente para sete sinais da depressão

Sinais da Depressão

Confundir a doença com tristeza e personalidade mais fechada atrapalha o tratamento

A depressão é uma doença que afeta mais de 350 milhões de pessoas de todas as idades, gêneros e etnias, de acordo com a Organização Mundial de Saúde. Embora o risco de ter depressão seja maior entre as pessoas com histórico da doença na família, maus hábitos comportamentais (como dormir pouco e cultivar pensamentos negativos) também podem favorecer uma crise ou agravar ainda mais um quadro já em desenvolvimento.

"Adotar atitudes mais saudáveis protegem seu corpo contra os sintomas da depressão, mas é preciso buscar tratamento depois que a doença se instala", afirma o psiquiatra Ricardo Alberto Moreno, professor doutor do Instituto de Psiquiatria da USP. Um dos principais problemas de quem sofre com este doença é acreditar que ele vai desaparecer por conta própria ou assumir que o mal-estar é permanente e faz parte da personalidade. Nada disso: se você apresentar, ao menos, um dos sinais listados a seguir e achar que ele tem prejudicado a sua rotina, aproveite para procurar um especialista.

Leia mais...

Nove estratégias para combater a ansiedade

Quando temos que enfrentar um desafio, a ansiedade toma conta do corpo e da mente. Inúmeros hormônios começam a agir, o coração acelera, a transpiração aumenta e até uma súbita dor de barriga aparece. Se essa sensação se acumular demais no corpo, pode extravasar de formas não tão agradáveis. "Alguns choram, outros gritam e partem para a briga, outros ainda adoecem e podem até entrar em depressão", conta a psicóloga Amélia Kassis, diretora da Companhia Zen, de São Paulo. Para evitar que a ansiedade não chegue ao ponto de virar um transtorno mais sério, procure marcar uma consulta com um psicólogo e adote alguns cuidados indicados por esses especialistas.

Leia mais...

8 dicas para calar os "diabinhos" dos pensamentos negativos

Os "diabinhos" não marcam hora para nos incomodar. Eles surgem até mesmo quando a vida está ótima. Fazem com que pensemos que, apesar do bom momento, algo pode dar errado. Ou que você não é bom o suficiente para ter sucesso na vida. Tais pensamentos negativos, naturalmente, fazem muito mal a você.

Em artigo no site da revista "Inc.", o empreendedor e consultor Larry Kim lista dicas para você esquecer seus demônios interiores e dar ouvido aos "anjinhos" que estão na sua cabeça:

1. Fale alto o quão incrível você é
Diga, em alto em bom som e para si mesmo, que você é incrível, inteligente, bonito e todos os adjetivos que você quiser. Kim até reconhece que essa dica é meio brega, mas que realmente ajuda as pessoas que precisam de confiança.

Leia mais...

Desmistificando a Psiquiatria

Ansiedade, tristeza, transtornos do sono e transtornos alimentares são queixas cada vez mais frequentes nos consultórios médicos. E isso ocorre porque a sobrecarga da vida diária e os excessos de informações levam as pessoas a abandonarem hábitos saudáveis necessários ao bem estar físico e mental.

A psiquiatria é a especialidade médica mais apropriada para lidar com essas e outras formas de sofrimento mental, não apenas com os transtornos psicóticos (vulgarmente chamado de "loucura"). O psiquiatra atua na saúde mental assim como, por exemplo, o ginecologista atua na saúde da mulher: prevenindo, diagnosticando, tratando e reabilitando o paciente.

Leia mais...